Ligue-se a nós

Curiosidade

Culturas e Tradições nas cerimônias de velórios pelo mundo

Publicação

no

Conheça as cerimônias de velórios, suas culturas e tradições

O nosso mundo é enorme e completamente cheio de culturas e tradições. Seja em relação a casamentos, maneiras de se vestir, de se portar, de falar, se alimentar, de viver, e de morrer. Sim, a morte é encarada de diversas maneiras com o decorrer da evolução. Você já parou para pensar nisso? Confira:

1- Antiguidade

Período pré-histórico

De acordo com a Exame, nossos ancestrais registravam nas paredes das cavernas, de forma fúnebre esse momento da morte: “Desde os tempos mais remotos, os homens já enxergavam a morte como elemento antagônico à vida. Talvez fosse mais fácil aceitá-la como fato natural quando ela acontecia aos borbotões, quando a expectativa de vida das pessoas era de 35 anos. Mas o estranhamento e o terror sempre existiram. As pinturas nas paredes de cavernas como Lascaux e Chauvert, na França, revelam o incômodo que a morte provoca no homem de 30 mil anos atrás.”

Dessa forma, neste período surge uma necessidade de proteger o corpo de uma pessoa falecida enterrando-a. A Prefeitura de São Paulo tem uma matéria que aborda justamente sobre este tópico: “O homem pré-histórico deveria ter notado que os corpos deixados ao ar livre eram mais facilmente destrutíveis pela ação dos abutres e das bactérias […] Assim, o homem pré-histórico descobriu que não existia nada melhor que as grutas naturais para a preservação do corpo. Daí a grande quantidade de ossadas humanas encontradas em grutas funerárias, o que contribuiu para o avanço da Arqueologia.”

Egito

O Egito é mundialmente conhecido pelas múmias e principalmente pelas grandes pirâmides que estão em pé até hoje. No quesito morte, a sociedade egípcia tinha crença de que seus corpos deveriam ficar intactos para quando retornasse da morte. Inclusive, uma série de cientistas conseguiram recriar a voz de uma múmia que tem 3 mil anos, justamente pela preservação do corpo. Esse tipo de processo de mumificação foi realizado com animais também. De acordo com a National Geographic: “O estudo, liderado pela paleo geneticista Sally Wasef, do Centro de Pesquisa Australiano para Evolução Humana da Universidade Griffith, examinou o DNA de 40 íbis mumificados, datados de 481 a.C”.

Grécia e Roma

Nesse período, na Grécia e Roma, a sociedade utilizavam túmulos. A Prefeitura de São Paulo afirma: “O terreno onde repousavam os mortos se tornava propriedade perpétua para cada família. Uma curiosidade: os túmulos eram ornados inteiramente com motivos alegres, pois os mortos não poderiam se juntar aos antepassados se tivessem pensamentos tristes.”

2- Mundo Moderno

Com o tempo, a maneira de lidar com este momento de partida foi se transformando. Para algumas pessoas, é tempo de celebrar e relembrar os bons tempos que todos tiveram com aquela pessoa que se foi. Para outros, o silêncio é a melhor resposta para lidar com a saudade que fica no coração. E há aqueles que enxergam como apenas uma situação natural que a pessoa irá passar, e que não seria o “fim” da vida dela. Há crenças e crenças, desde o budismo até o catolicismo. O fato é que não há como passar despercebido. Veja abaixo como alguns países encaram esse momento:

Alemanha

Na Alemanha o processo de preparação do corpo leva dias ou semanas. Depois da cerimônia, amigos e familiares geralmente vão a um restaurante para uma confraternização chamada Leichenschamaus. Todos têm obrigação de comparecer, e caso alguém não vá, estaria sendo desrespeitoso.

Japão

Já pensou em fazer funeral em casa? Bem, os japoneses fazem isso. É uma cerimônia silenciosa, e geralmente conta com os familiares realizando a preparação do corpo para o velório.

México

No México a visão da morte é diferente. Os mexicanos entendem como um momento de libertar a vida das vaidades. E sendo assim, no Dia de Finados (día del el muertos) realizam festas e usam fantasias ligadas à tradição indígena asteca.

Bali

Nesta ilha que possui 3 milhões de habitantes hindus, a cerimônia mais praticada é a cremação que recebe o nome de Ngaben. Considerado um ritual importante por libertar a alma para reencarnar ou então encontrar a plenitude.

Rússia

Para os russos esse é um momento complicado. De acordo com a Band: “A maneira russa de lidar com a morte mudou desde o início do século 20. Paradoxalmente, no entanto, os russos estão redescobrindo e reinventando tradições e hábitos fúnebres.”

Itália e Suíça

Esses dois países realizam funerais em casa, e pode durar uma semana para que todos os amigos e familiares possam ter a chance de se despedir. De acordo com o Memorial Parque da Paz: “Os convidados comem, conversam e até dão risada, e não há nenhum constrangimento por esse motivo. Na Suíça, por exemplo, alguns hospitais disponibilizam uma sala refrigerada, onde o corpo fica à disposição dos visitantes, que podem até marcar hora para a visita.”

África

Recentemente surgiu um meme na internet que se passa justamente na África, com alguns homens carregando um caixão ao som de uma música eletrônica. A Folha publicou uma matéria sobre o assunto: “Segundo a rede britânica BBC, o vídeo retrata um cortejo fúnebre que aconteceu, de fato, em Gana. “Os carregadores de caixões elevam o ânimo dos funerais em Gana com danças loucas. As famílias pagam cada vez mais dinheiro pelos seus serviços para que se possam despedir dos seus entes queridos desta forma.” explica um documentário da BBC.”.

Brasil

No nosso Brasil, existe a tradição de todos usarem preto para demonstrar que estão de luto, e os funerais são realizados em até 48 horas. A preparação do corpo é realizada por um tanatopraxista.

Enfim, há tantas culturas e tradições que não coube tudo neste artigo. O fato é que temos uma diversidade riquíssima, em que todos de alguma maneira, param para se confortar, se despedir, lembrar de bons momentos, em respeito a uma pessoa que partiu. Independente da religião, sexo, idade, lidar com a morte é algo que mexe com o ser humano desde o início da humanidade. A saudade e o apego acabam trazendo dor, e muitas vezes, sofrimento.

O que importa é que todos demonstram carinho a sua maneira com o ente querido, e esse processo vem sendo cada vez mais adaptado, personalizado, para que os familiares tenham mais conforto e consigam lidar da melhor maneira possível.

A sua funerária pode contribuir para a contratação de um plano funeral, por exemplo, de uma maneira mais confortável e cômoda para os familiares através da internet.

Agora a sua funerária pode vender pela internet. Acesse e saiba mais: www.efunerario.com.br.

mazinha

Quer estar sempre bem informado?

Então receba outras noticias no seu Email e WhatsApp

    Seu nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)

    Número WhatsApp com DDD

    Autorizo o Portal Todas Funerárias a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários (Pare receber salve o nosso número WhatsApp em sua agenda 11 99567 7070)

     222 Total de Visualização

    Clique e para ler tudo

    Curiosidade

    O causador de espantos nos velórios

    Publicação

    no

    Ele vai aos funerais só para revelar os segredos do mortos

    Parece loucura mas muitos mantem segredos que só podem ser revelados depois de morto, e foi por conta disso que Bill Edgar, 52, se especializou a fazer exatamente isso, revelar segredos em nome dos falecidos, confessando diante de todos o que eles não tiveram coragem de dizer quando estavam vivos.

    A nova função surgiu enquanto ele trabalhava como detetive particular para uma pessoa com doença terminal na Austrália e depois do primeiro caso veio a decisão deixou seu emprego na Costa do Ouro três anos atrás, quando um homem com uma doença terminal pediu-lhe para interromper seu funeral para dizer a seu melhor amigo que sabia que estava ‘tentando transar’ com sua esposa.

    Este homem, entretanto, disse que sua família e amigos não gostariam do que ele tinha a dizer, então provavelmente não leriam um texto ou ate mesmo reproduziriam a sua mensagem.

    “Então, me ofereci para falar em nome dele” e “Foi assim que tudo começou” e desde então muitos outros casos foram aparecendo e eu emprestando mina voz para falar o que o morto já não podia mais.

     

    Como é a vida de um interrompedor de funerais?

    A sua primeira vez que fiz isso foi muito inspirador, e um alívio para meu cliente, interromper o atendimento e dizer à família do homem que tinha algumas coisas “não ditas”.

    “Eu basicamente vou ao velório em respeito ao meu cliente, não os vivos, e é assim que eu trabalho desde então. Os que sobraram depois da revelação não são da minha conta ou preocupação. É meu cliente em primeiro lugar. Todo o resto são efeitos colaterais”.

    Outra situação bastante recorrente é ter que ir ate onde estão as provas escondidas para realizar certas varreduras no local. Algumas coisas ou provas tem que simplesmente desaparecer. Muitos de meus clientes estão impossibilitado de voltar em lugares onde estão certas coisas, estão internados ou inválidos para essa tarefa, então preciso ser rápido para poder entrar seja em residencias ou empresas e pegar as provas e filmar a incineração para apresentar ao cliente.

    Como realiza as revelações

    Permaneço no funeral juntos a todos e em um ponto exato do funeral, eu me levanto, abro um envelope e leio exatamente o que o morto não conseguiu dizer em vida”.

    E como são os pedidos?

    Eu recebo uma variedade grande listadas de coisas diferentes que as pessoas desejam em seus funerais, incluindo revelações sobre sexualidade, casos amorosos e roupas ou itens a serem colocados no caixão.

    Revelação sobre sexualidade

    Certa vez foi revelado a um grupo de homens em um funeral de motoqueiros “que seu melhor amigo era gay e o amante estava na platéia”.

    “Os motoqueiros ficaram um pouco chateados, mas para ser sincero, os verdadeiros amigos já sabiam e falavam ‘não importa’. O amante veio falar comigo cerca de uma semana depois”.

    A origem do seu dinheiro.

    O cliente estava na casa dos 80 anos, ele é um cara muito legal. Você pensaria que ele seria um empresário muito astuto e muito conhecido, mas para ser honesto com você, ele formou sua fortuna ganhando na loteria.

    “Ele nunca contou a ninguém nem a sua família de onde veio seu dinheiro, enganou a todos como sendo o melhor empresário do mundo, na verdade ele nunca trabalhou um dia sequer em sua vida. Ele enganou a todos eles. Ele vivia uma vida de ostentação com o dinheiro da loteria enquanto todos achavam que ele ganhava dinheiro trabalhando”.

    Trabalhos online em tempos de pandemia

    Edgar também oferece um serviço online de US$10 que permite às pessoas enviarem elogios ou confissões e nomear um parente mais próximo para receber os detalhes de login para fazer o download quando estes morrerem.

    Ele afirma que desde que o COVID-19 começou globalmente no início deste ano, foram feitos 8200 uploads e sua plataforma. E são principalmente os contaminados pela COVID-19 os mais preocupadas.

    E as outras historias

    Além de suas futuras contratações, Edgar também  assinou um contrato com um produtor para “um filme ou série dramática” sobre o seu trabalho que é conhecido como o CONFESSOR DE CAIXÃO .

     3,688 Total de Visualização

    Clique e para ler tudo

    Curiosidade

    Velórios diferentes pelo mundo

    Publicação

    no

    Conheçam os velórios mais estranhos pelo Mundo

    o-jogador-willie-stokes-jr-ele-foi-enterrado-em-um-caixao-que-lembra-ao-carro-cadillac

    O jogador Willie Stokes Jr. Ele foi enterrado em um caixão que lembra ao carro Cadillac Seville e que ainda faróis que piscavam, para-brisas e uma placa com apelido de “Wimp”, que significava Willie

    seu-cadaver-foi-colocado-contra-a-parede-vestido-como-um-rapper

    Medina foi morto a tiros e jogado sobre uma ponte de cueca, em 2008. Por isso, seu cadáver foi colocado contra a parede, vestido como um rapper e com seu favorito boné New York Yankees

    taxista-morto-velado-no-carro

    O taxista porto-riquenho Victor Perez Cardona 73 anos era bastante brincalhão e tinha um último desejo após sua morte: ser velado dentro do táxi que ele dirigiu nos últimos 15 anos.

    David-Morales-foi-velado-em-cima-da-moto

    David Morales, de 22 anos, trabalhava fazendo entregas e havia acabado de ganhar a moto – uma Honda CBR600 F4 – de um tio. A funerária Marin organizou tudo para que os amigos e familiares do morto fossem se despedir de Morales quando ele estivesse montado no veículo

    O-boxeador-profissional-Christopher-Rivera

    O boxeador profissional Christopher Rivera também foi embalsamado de forma diferente. Seu corpo estava vestido com um robe de boxe preto estampado com as palavras “Graças a Deus” que ele costumava usar nas lutas.

    O-velorio-de-Miriam-Burbank-teve-exposição-de-fotos

    .“Mae-Mae”, como era conhecida Miriam Burbank, ficou sentada em uma mesa com cerveja, uísque e cigarros perto. Para completar, suas unhas foram pintadas com as cores do seu time favorito de futebol americano.

    músico-de-jazz-Lionel-Batiste-foi-velado-em-pé

    Em 2012, com a morte do músico de jazz Lionel Batiste, um estilo bem esquisito de funeral ganhou destaque. Batiste foi velado de uma forma bizarra e numa posição inusitada. Ele foi colocado no velório de pé, apoiado em um poste de luz, com as mãos na bengala e com um chapéu na cabeça

    porto-riquenho-Renato-Garcia-foi-velado-de-lanterna-verde

    O velório do porto-riquenho Renato Garcia ganhou destaque em vários jornais do mundo. Ele morreu aos 50 anos e foi velado desta maneira, vestindo de Lanterna Verde, em pé junto a parede do apartamento da irmã, em San Juan

    Chadil Deffy e sua noiva morta

    Chadil Deffy se casou com a namorada morta. Ann Kamsuk foi morta em um acidente de carro. A cerimônia macabra aconteceu durante o velório.

     3,972 Total de Visualização

    Clique e para ler tudo

    Curiosidade

    Pesadelos assustadores com a mortes. O que significa?

    Publicação

    no

    Quantos já acordaram depois de um pesadelo sobre morte ou até mesmo a própria morte?

    Saiba o que tem por traz de alguns entendimentos sobre os PESADELOS. Sem duvida é uma grande aflição que se sente ao sonhar com a morte, é preciso entender o porque ou pelo menos não é preciso entrar em pânico ou deixar que o desespero te consuma, pois este sonho possivelmente não significa algo ruim, muito pelo contrário, ele revela que você ou a pessoa com quem sonhou irá dispor de muita saúde.

    Qual a diferença entre sonho e pesadelo

    A principal diferença entre sonhar e ter pesadelo é o tipo de conteúdo que o cérebro processa enquanto a pessoa dorme. Os sonhos manifestam desejos e vontades, enquanto os pesadelos têm um conteúdo mais obscuro e assustador.

    Há quem diga que sonhar com gente morta possa significar a perda de poder, entretanto, pode ser também que você tenha presenciado alguma cena de grande impacto que lhe causou um enorme choque emocional durante a semana, o mês ou até no decorrer do ano. Cena que ficou marcada em sua mente, talvez você nem tenha se dado conta, mas, contudo, ela ficou lá guardadinha em sua memória e, através do sonho, voltou a acontecer.

    SONHAR COM MORTE DE PARENTE

    Uma parte dos sonhos traz grande aflição e angústia para a alma devido ao modo como eles acontecem, e principalmente se este sonho está relacionado a alguém especial e do nosso meio familiar. Sonhar com parente morto é uma situação de conflito e angustiante, pois está ligado às pessoas com quem mais nos importamos e que fazem parte de quem somos.

    A interpretação desse sonho dependerá muito do grau de parentesco seu em relação à pessoa, mas, no geral, quando um parente aparece morto no sonho, pode indicar as mudanças na personalidade que você sofreu ou poderá vir a sofrer ao longo do tempo. No entanto, também está ligado ao sentimento que você tem por esta pessoa, indicando todo o seu carinho por ela, mas que não é possível estar tão próximo como você gostaria. Vamos ver alguns casos:

    SONHAR COM MORTE DE AMIGO

    Sonhar com a morte de um amigo não é muito agradável, mas não se preocupe, pois esse sonho apenas indica que você se preocupa e tem uma forte ligação com ele, que ele te faz muita falta. Ao sonhar com amigo morto, é possível perceber o quanto este lhe faz falta e o quão grande são os sentimentos que você nutre por ele. Então reserve um tempinho para ligar ou vê-lo, pois uma vida com amigos é sempre bem melhor!

    SONHAR COM MORTE DA MÃE

    Sonhar com a morte não é um sonho que nos faz tranquilidade, muito pelo contrário, faz com que acordemos frustrados e preocupados. Sonhar com a morte da mãe nos deixa mais preocupados ainda, pois a mãe é um símbolo de proteção, carinho e amor.

    Sonhar com sua morte revela que você tem medo de assumir responsabilidades. Esse sonho também pode indicar que a distância ou a falta de vê-la faz com que você desenvolva uma grande saudade por ela. Procure encontrar e reservar um tempo para ir visitá-la e dê todo amor que você puder à guerreira que o trouxe a este mundo.

    SONHAR COM MORTE DO PAI

    O pai, assim como a mãe, é uma fonte de proteção, carinho e amor. Sonhar com a morte do pai indica que você sofrerá uma grande e considerável mudança, e que também precisa ser mais independente. Indica ainda que lhe falta habilidade para desenvolver seus projetos e tomar decisões. Seja ousado e dê o seu melhor!

    SONHAR COM FILHO MORTO

    Sonhar com filho morto pode deixar qualquer pai e mãe aflito e preocupado, entretanto indica apenas um sentimento de segurança que você tem em relação ao filho. É possível que tenha planejado e prometido algo que não conseguiu cumprir, contudo pode indicar também um sentimento de saudade, por ele estar seguindo novos caminhos e entrando em novas fases da vida. Procure ajudá-lo da melhor maneira, converse e esteja sempre por perto para o que ele precisar, pois você é o porto seguro entre ele e essa nova fase.

    SONHAR COM MORTE DO IRMÃO

    Não se preocupe, pois esse sonho vem indicar que este irmão terá vida próspera e muita saúde, sobretudo indica que algo muito bom e significativo irá acontecer na vida dele. Já você está num momento de grande propensão para conseguir encontrar um ponto de equilíbrio e ficar mais tranquilo e equilibrado com relação  aos problemas do dia a dia.

    SONHAR COM MORTE DE NAMORADA

    Sonhar com a morte da namorada ou da pessoa amada significa que você está com seus sentimentos confusos em relação a ela. Pode representar sua indecisão acerca dos assuntos relacionados a vocês.

    SONHAR COM PESSOA QUE JÁ MORREU

    Sonhar com pessoa que já está morta é um alerta do seu subconsciente de que você pode estar sendo influenciado negativamente por pessoas que te querem o mal. Tome cuidado com as pessoas de quem você se aproxima. Caso a pessoa esteja morta há muitos anos, pode significa que o seu relacionamento amoroso não está tão bem quanto antes.

     3,820 Total de Visualização

    Clique e para ler tudo

    + Mais lidas