Ligue-se a nós

Destaque

Siga os bons!

Publicação

no

“Ouça os que conhecem os caminhos da vitória. Eles construíram mundos, impérios…”.

Gilclér Regina

seguir os bons

Na Bíblia Sagrada encontramos um trecho no Livro de Provérbios que diz “que quem andar com o sábio será sábio e quem andar com o tolo será tolo”.

Na educação dos nossos filhos sempre fomos assim, nos preocupamos que serão as companhias deles.

Vem daí a expressão popular: “Diga-me com quem andas e te direi que és”.

Ouça os que conhecem os caminhos da vitória. Eles construíram mundos, impérios… Ouça quem triunfou, eles sonharam com o impossível.

A vida é um canteiro de oportunidades para você ser feliz e fazer sucesso, mas, é preciso ser amante da alegria, amigo da sabedoria e quando errar, recomeçar, pois somente assim você será apaixonado pela vida.

Use os obstáculos para abrir janelas de inteligência. E vença! Um caminho? Siga os bons!

Pense nisso, uma boa semana, um forte abraço e esteja com Deus!

Biografia Gilclér Regina.

 1,133 total de visualizações

Clique e para ler tudo

Cemitérios do Brasil

Prefeitura da cidade de São Paulo divulga nomes dos concessionários do serviço funerário

Publicação

no

Os vencedores de três blocos ja estão definidos. Ainda tem o bloco 4 que ainda não foi divulgado

A Prefeitura de São Paulo divulgou nesta sexta-feira 12/08 os consórcios vencedores da licitação para administrar os 22 cemitérios da capital paulista pelos próximos 25 anos.

Os consórcios Atena, Cortél São Paulo e Cemitérios e Crematórios SP foram os vencedores de três dos quatro blocos, por terem apresentado as melhores propostas. O bloco 4, que inclui o crematório da Vila Alpina, ainda não teve a definição.

Os cemitérios foram divididos em quatro blocos e pelo menos três consórcios já tiveram os nomes definidos, por terem apresentado as melhores propostas.

Acompanhe a definições

Bloco 1 – Cemitérios da Consolação, Quarta Parada, Santana, Tremembé, Vila Formosa I e II e Vila Mariana

Propostas – Bloco 1

Nome da empresa Outorga fixa oferecida Outorga fixa mínima
Consórcio Atena R$ 155.525.000,33 R$ 116.195.000,00

Bloco 2 – Cemitérios do Araçá, Dom Bosco, Santo Amaro, São Paulo e Vila Nova Cachoeirinha

Propostas – Bloco 2

Nome da empresa Outorga fixa oferecida Outorga fixa mínima
Consórcio Cortel São Paulo R$ 200.240.999,99 R$ 170.239.000,00

Bloco 3 – Cemitério do Campo Grande, Lageado, Lapa, Parelheiros e Saudade

Propostas – Bloco 3

Nome da empresa Outorga fixa oferecida Outorga fixa mínima
Consórcios Cemitérios e Crematórios SP R$ 153.378.000,00 R$ 144.697.000,00

O único bloco que ainda não teve definição foi o lote 4, que abrange os cemitérios da Freguesia do Ó, Itaquera, Penha, São Luiz, São Pedro e Vila Alpina (crematório).

Como o edital aponta que nenhuma empresa pode administrar dois blocos de cemitérios, as empresas que tiveram as três melhores propostas foram desclassificadas e a prefeitura de SP analise a documentário da última proposta, do Consórcio MonteSanto, para saber se a empresa tem condições de assumir os espaços.

A proposta desse consórcio para administrar as unidades foi de R$ 110 milhões de outorga fixa, valor quase R$ 27 milhões abaixo da melhor proposta, que foi do Consórcio Cortel, conforme abaixo.

Bloco 4 – Cemitérios da Freguesia do Ó, Itaquera, Penha, São Luiz, São Pedro e Vila Alpina (crematório)

Propostas – Bloco 4

Nome da empresa Outorga fixa oferecida Outorga fixa mínima
Consórcio Cortel São Paulo R$ 137.281.999,99 R$ 108.281.000,00
Consórcio Atena R$ 132.081.000,33 R$ 108.281.000,00
Consórcios Cemitérios e Crematórios SP R$ 125.605.000,00 R$ 108.281.000,00
Consórcio Monte Santo R$ 110.446.620,00 R$ 108.281.000,00

No total, as quatro melhores propostas recebidas pela Prefeitura Municipal para os 22 cemitérios totalizaram R$ 646,4 milhões.

O resultado da concessão acontece após várias tentativas de passar a administração dos cemitérios para a iniciativa privada contestadas pelo Tribunal de Contas do Município (TCM).

Histórico

Os envelopes da licitação foram finalmente abertos pela gestão municipal em 26 de julho.

A concessão dos cemitérios municipais, segundo a prefeitura, será feita por 25 anos e gerará cerca de R$ 1,2 bilhão em benefícios econômicos para a cidade, além de qualificar os serviços oferecidos para usuários, que são alvo de inquérito do Ministério Público de São Paulo por causa do abandono (veja mais abaixo).

Os consórcios vencedores serão responsáveis por gestão, operação, manutenção, exploração, revitalização e expansão dos 22 cemitérios e um crematório público, bem como a criação de três novos crematórios para a cidade.

De acordo com o Serviço Funerário, todas as gratuidades já garantidas pelas leis municipais permanecerão após a concessão, tanto em relação a sepultamentos quanto a cremações.

Além da expansão das gratuidades para a cremação, a prefeitura diz que houve redução de 25% no valor do funeral social no edital de concessão, que passa de R$ 755 para R$ 566.

Investigação do Ministério Público

No início de julho, o Ministério Público de São Paulo abriu um inquérito para apurar o abandono nos 22 cemitérios municipais da capital paulista, que sofrem com roubos, furtos e depredações há anos.

Para a Promotoria, a situação de abandono em que vários cemitérios se encontram já causa danos ao patrimônio histórico e cultural da cidade, em virtude da falta de cuidado, de conservação de túmulos e de segurança.

No inquérito, os promotores justificam que os cemitérios deveriam ser protegidos pela gestão municipal, mas o Poder Público vem se eximindo da questão ao longo de várias gestões de prefeitos de diferentes partidos, sem adoção de medidas efetivas para a conservação de bens públicos.

A investigação pede que a prefeitura forneça uma relação completa dos construtores e prestadores de serviço cadastrados nos cemitérios da cidade, com informação sobre como eles foram selecionados e a devida licitação de cada um deles.

Eles também pedem a indicação das empresas que vendem caixões, flores e outros produtos para velórios e enterros, com os valores cobrados, além de um relatório atualizado com a situação de cada um dos 22 cemitérios da capital.

O que diz a Prefeitura de SP

A gestão Ricardo Nunes (MDB) disse, à época, que recebeu a notificação do Ministério Público e vai responder aos questionamentos dentro do prazo, que é no fim deste mês.

Desde 2017, a capital tenta privatizar os cemitérios municipais e o crematório da Vila Alpina, sem sucesso. O Tribunal de Contas do Município (TCM) já suspendeu pelo menos cinco vezes o edital de concessão, por problemas administrativos e comerciais. A última vez foi em maio.

Agora, a prefeitura afirma que todas as determinações do TCM foram acatadas e que publicou o edital para concessão no fim de junho e as propostas das empresas foram entregues até 26 de julho.

Gostou dessas informações?

Receba outras no seu Email e WhatsApp

    Seu nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)

    Número WhatsApp com DDD

    Autorizo o Portal Todas Funerárias a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários (Pare receber salve o nosso número WhatsApp em sua agenda 11 99567 7070)

     467 total de visualizações

    Clique e para ler tudo

    Destaque

    Precisando comprar ou vender carros funerarios? Acesse FUNERAL MOTORS

    Publicação

    no

    Uma forma inovadora de comprar e vender o seu veículo funerário!


    Uma plataforma elaborada para oferecer soluções digitais que simplifiquem a compra e venda de veículos funerários, tornando o processo cada vez mais simples e ágil para os clientes. Essa é a proposta da Funeral Motors, um site de classificados online de veículos exclusivamente funerários do Brasil!

    O novo site está disponível para usuários de todo o Brasil. Para quem irá anunciar, a palavra da vez é comodidade e segurança. O anunciante tem a autonomia e responsabilidade do processo de negociação do início ao fim, podendo fazer a edição e inclusão de informações com facilidade, estando 100% no controle.

    O próprio vendedor gerencia as propostas recebidas negociando pelo melhor valor, direto com o comprador, sem a intermediação de terceiros. Uma maneira prática e segura de fazer o seu negócio!

    Para quem irá comprar, é um portfólio robusto de soluções completas que a Funeral Motors oferece aos seus clientes. Um site de fácil usabilidade, o comprador consegue navegar e visualizar todas as informações dos veículos, filtrar suas preferências e fazer uma busca personalizada de acordo com sua necessidade.

    Tudo isso para tornar a jornada de compra e venda de veículos mais ágil e descomplicada, proporcionando liberdade de contato entre comprador e vendedor, sem limitação no território nacional, o usuário poderá comprar e vender de qualquer lugar do Brasil e o melhor: por ser um portal de referência de vendas de veículos exclusivamente funerários, o anúncio será veiculado sempre para o público certo, otimizando assim o seu processo de compra e venda!

    Acesse o site www.funeralmotors.com.br e saiba mais sobre essa plataforma que veio para revolucionar o mercado de compra e venda de veículos em nosso segmento! Para melhorar ainda mais a experiência do usuário, a Funeral Motors está oferecendo 15 dias gratuitos para anunciantes! Aproveite a oportunidade e faça parte desse portal inovador de veículos funerários do Brasil.

     1,294 total de visualizações

    Clique e para ler tudo

    Administrar

    Primeiro museu funerário da América Latina fica em Blumenau SC

    Publicação

    no

    Blumenau é a cidade catarinense com maior número de museus. São vários espaços mantidos pelo poder público e pela iniciativa privada. Entre estes está o Memorial Funerário Mathias Haas, no bairro Escola Agrícola.

    É o único museu da América Latina com essa temática. Ele começa contando a saga de uma família de imigrantes que deixou a Alemanha com sonho de uma vida melhor no Brasil. Em 1918, eles fundaram a Marmoraria Haas em Ibirama e que foi transferida para Blumenau, onde virou funerária.

    Primeiro museu funerário da América Latina, o espaço conta a trajetória da família desde a vinda da Alemanha em 1904 até a construção e transformação do negócio

    São vários itens interessantes, entre eles o livro de memórias de Mathias Haas, escrito entre 1937 e 1959. Outro é a placa usada para identificar a primeira oficina em Ibirama, ainda em alemão.

    A marmoraria que se tornou funerária para atender às famílias dos falecidos da região conta também a história da colonização, do desenvolvimento e da nacionalização no Médio Vale do Itajaí. Esse registro culminou na construção do Memorial Funerário Mathias Haas.

    Elke Haas Fonseca, gerente do memorial e bisneta do fundador da empresa, comenta como trabalhar com a morte sempre foi algo natural para ela. Nascida junto da abertura da funerária, Elke cresceu com o negócio da família.

    “Todos nós vamos passar pela morte, e também pelo luto em algum momento. O apoio e um serviço de qualidade são muito importantes para essas famílias. Assim como cultivar a memória da pessoa que se foi. Por isso preservar os cemitérios é tão significativo. Pois, além de contarem um pouco sobre a história da pessoa sepultada, através da simbologia dos adornos e estatuária, revelam materiais e estilos de diferentes épocas”, reforça.

    Para visitar

    Por ficar localizado dentro de um terreno da família, as visitas acontecem com agendamento prévio. Aproveite a visita guiada, que detalha toda a história da família e a importância do serviço funerário para a cultura e história, com registros arquitetônicos e curiosidades da região.

    Para agendar, entre em contato pelo e-mail contato@haas.museum, pelo telefone (47) 3222-9918 ou pelo WhatsApp (47) 99122-8532. O horário de funcionamento é de segunda a sexta das 13h às 17h e aos sábados das 8h às 12h.

    O Memorial fica na rua José Deeke, 751, no bairro Escola Agrícola.  Acompanhe também as redes sociais (Instagram e Facebook) do Memorial, que trazem informações, fotos e curiosidades.

    Fonte: O Municipio de Blumenau SC

    Video: Sylvio Zimmermann

     

    Matéria relacionada

    Brasil tem Museu do IML

     2,113 total de visualizações

    Clique e para ler tudo

    FLUIDOS PARA TANATOPRAXIA

    Ataude Artigos Funerários

    Cursos com o Magno

    Recomendados

    CURSOS EM TANATOPRAXIA

    Congresso Inovare

    newsletter whatsapp

    + Mais lidas