Ligue-se a nós

efunerario

As Fases da Morte no Brasil e no Mundo

Publicação

no

A morte é um fenômeno natural que todos vão passar um dia

Difícil de encarar pela maioria das pessoas, afinal a morte significa o término de um ciclo muito marcante na vida das pessoas. Trata-se de um fenômeno natural que todos passarão. É certo que esse dia chegará, felizmente não podemos precisar o momento exato. Essa imprecisão, aliada à incerteza do que encontraremos adiante, a dúvida sobre a possível continuidade de alguma forma de vida, causa-nos medo e insegurança.

 

Contudo, cada pessoa apresenta uma reação de acordo com suas próprias vivências e formação cultural. Nesse contexto, o conceito de morte é relativo (depende do desenvolvimento psíquico e situação afetiva de cada pessoa), é complexo e mutável, depende do contexto situacional.

Nos hospitais os cuidados com os casos de óbitos são bastante importantes para que o agente funerario possa concluir o trabalho de apoio e auxilio as famílias enlutadas

Entendendo os procedimentos

Cuidados com corpo pós-morte são os cuidados após a constatação médica de óbito. Após essa constatação, a enfermagem deve colocar o corpo do falecido em posição horizontal e começar os procedimentos para preparar o corpo antes que ocorra a rigidez cadavérica.

Cada instituição segue alguns procedimentos específicos para atender o indivíduo depois da morte.

O Código de ética dos profissionais de Enfermagem (Resolução COFEN nº 311/2007), em sua Seção I, das relações com a pessoa, família e coletividade; das responsabilidades e deveres dos profissionais de enfermagem, afirma

Respeitar o pudor, a privacidade e intimidade do ser humano, em todo seu ciclo vital, inclusive nas situações de morte e pós-morte.

Estudar as concepções culturais do processo saúde-doença-morte nas diferentes sociedades pode possibilitar aos profissionais de enfermagem compreender seus próprios valores e crenças diante do processo de morrer e da morte bem como suas atitudes e ações relacionadas com as questões do cotidiano que influenciam na sua vida pessoal e profissional.

Os profissionais são freqüentemente expostos a situações de enfrentamento da morte de pessoas sob seus cuidados, sobretudo aqueles que atuam em serviços hospitalares. Apesar desse confronto com a morte no seu cotidiano de trabalho, esses profissionais encontram dificuldade em encará-la como parte integrante da vida, considerando-a, com frequência, como resultado do fracasso terapêutico e do esforço pela cura.

Há uma necessidade que os profissionais têm então, de quebrarem o silêncio e ousarem falar de suas dores, medos, do luto que deve ser elaborado, a fim de que suas demandas sejam atendidas e o melhor cuidado seja oferecido. É importante que eles se permitam entristecer e não se sintam culpados.

Quando paramos para pensar sobre o que se é permitido sentir o profissional enfermeiro a cerca da morte, vem o questionamento quanto ao comportamento que deve ser assumido frente ao paciente que morre e a família, pondo dúvidas em torno do cuidar com respeito.

Os profissionais de saúde acabam criando mecanismos de defesa que os auxiliam no enfrentamento da morte e do processo de morrer. Por serem preparados para manutenção da vida, a morte e o morrer em seu cotidiano, suscitam sentimentos de frustração, tristeza, perda, impotência, estresse e culpa. Em geral, o despreparo leva o profissional a afastar-se da situação

Como um mecanismo de defesa e proteção contra o sofrimento, o processo de morrer e morte passa a ser visto como banal, sendo o distanciamento e endurecimento das relações frente à morte e ao paciente terminal algo tornado natural e considerado comum e rotineiro.

Cuidados com idososCuidados paliativos no caso de pacientes que correm risco de morrer

Esses cuidados têm início com uma conversa clara com o doente e seus familiares falando sobre a impossibilidade de cura.

Quando bem esclarecido as causas da morte permite que as pessoas mais queridas vivam juntas ao processo de luto e se preparem para a despedida. A informação clara sobre a morte permite ajustar as próprias expectativas sobre o atendimento de saúde e assumir maior controle sobre as decisões em relação a ele. Se não há perspectiva de cura, é possível optar por não ter a vida prolongada por meio de métodos invasivos (como a respiração mecânica), escolher não operar o coração de uma pessoa idosa que permanecerá seus últimos dias presa a uma cama de hospital, ou decidir manter o paciente em casa para que morra em um ambiente que conhece e próximo àqueles que ama.

Quando se trata de melhorar a qualidade de vida de pacientes terminais, é possível fazer muito. Para a pessoa que está doente, descobrir que há formas de diminuir a própria dor significa muitas vezes retomar o controle sobre o próprio tratamento.

Avaliação sobre a qualidade da morte em vários países realizada em 2015 pela Economist Intelligence Unit

Dos 80 países avaliados, o Brasil ficou na 42a posição. Na América Latina, o Chile ficou em 27° lugar, a Argentina em 32°, o Uruguai em 39° e o Equador em 40°.

Para a organização do ranking foram utilizados dados oficiais, pesquisas e entrevistas com profissionais da área. Para o estudo do Brasil, a consultoria ouviu Maria Goretti Salles Maciel, presidente da Academia Nacional de Cuidados Paliativos (ANCP).

Segundo ela, embora a situação dos Cuidados Paliativos no país ainda esteja muito aquém do ideal, o Brasil melhorou desde o último índice, divulgado em 2010, que colocava o Brasil em 38° posição numa lista de 40 países avaliados.

Gostou de ficar sabendo?

Receba outras notícias no seu E-mail e WhatsApp

    Seu nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)

    Número WhatsApp com DDD

    Autorizo o Portal Todas Funerárias a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários (Pare receber salve o nosso número WhatsApp em sua agenda 11 99567 7070)

     

    Loading

    Clique e para ler tudo

    Administrar

    O cuidado com o preço no serviço funerário

    Publicação

    no

    Estabelecer o preço de um produto ou serviço nem sempre é uma tarefa fácil

    Quando sua saúde requer cuidados, você procura o médico mais barato ou o médico mais capacitado para tratar da sua saúde? A resposta é um tanto obvia não é mesmo?

    Com a saúde da sua empresa não pode ser diferente. Para determinar uma boa saúde financeira eu devo acompanhar os passos de como estou comprando e de como estou vendendo. Se errar nesses pontos as finanças não vão fechar no final do mês.

    Saber como definir os preços praticados pela sua empresa é essencial para manter o capital de giro sempre positivo e, assim, bancar os custos fixos e variáveis.

    Entenda o que é preço de venda

    O desafio da precificação está em encontrar o equilíbrio entre os custos de produção, o valor que a concorrência cobra e a margem de lucro. Ou seja, sua empresa não poderá cobrar tão barato, a ponto de tornar a sua lucratividade irrisória, ou insuficiente para cobrir os custos.

    O preço e o valor

    O preço tem ligação direta com custo de produção ou de compra, encargos e assim por diante. Já o valor tem a ver com a maneira como as pessoas enxergam a marca, o que só é possível descobrir por meio de pesquisas e conversas com o público.

    Se para cobrir uma oferta ou demanda eu não souber precificar (colocar o preço compativel com meu custo), eu posso estar com os dias contados. No mercado seja qual for não existe milagre financeiro para sobreviver. Existe sim preparo para aprende a lidar com a mudanças (repentinas) que o mercado exige.

    O lucro exagerado

    Se para ter lucro eu preciso tirar de alguem, esse pensamento pode me dar como resposta uma ação semelhante. Se for sutil ainda da tempo de corrigir e sair a frente. Porem se ela tiver uma grande dimensão, isso pode fechar suas portas. O mercado esta cada dia mais competitivo. Seus clientes em poucos cliques conseguem saber se seu preço esta compativel ou completamente fora de cogitação. E se ele souber que foi desleal no ato da compra, a dor de cabeça pode ser ainda maior. Alem de não fechar negocio com sua empresa as redes sociais se encarregarão de disseminar suas ações.

    Já uma boa ação caminhará a passos lentos, porem construirá longas estradas e pontes fortes e resistentes para o sucesso.

    Uma administração pelo pulso e muito diferente de uma administração estrategica e planejada. No atual mercado o achismo e o amadorismo podem arruinar seu tipo de negocio. No atual mercado competitivo, um erro pode ser fatal, seja estrategico, financeiro ou de preparo profissional. Existe um ditado bastante popular assim “quem brinca com fogo um dia acaba se queimando”.

    A falencia

    Essa é a palavra mais temida por qualquer empresário, independentemente do porte do seu negócio. Esse medo não é à toa: segundo o Sebrae, 24,4% das micro e pequenas empresas foram fechadas em menos de dois anos. O percentual aumenta, se mudarmos o prazo para quatro anos: 50% delas fecham as portas.

    Mas quais são os motivos que levam a um risco tão grande, a ponto de chegar à falência? O que esses empresarios estão fazendo de tão errado para perderem tudo o que investiram em tão pouco tempo? Não há uma resposta única para esses questionamentos. Há uma série de erros que podem levar um negócio a fechar as portas antes mesmo de ver os lucros entrarem no caixa.

    Mudanças no mercado global

    Os últimos meses exigiram inovação e adaptação das empresas para lidar com mudanças na economia, as regras de distanciamento social,  situação financeira dos consumidores, entre outros desafios.

    Muitos empreendimentos tiveram dificuldade para se adaptar a esse novo cenário, seja por fatores financeiros, seja por excesso de burocracia, entre outros motivos. Isso resultou em inúmeros negócios com as portas fechadas e reduziu postos de trabalho por todo o país.

    Contudo, empresas que adotaram estratégias para manter o andamento das atividades nesse período conseguiram garantir a sustentabilidade do negócio. Mudanças na forma de trabalho, como o home office, e o atendimento online e personalizado se tornaram soluções significativas.

    Algumas funerarias entenderam que uma parte de suas contratações passaram a serem remotas. Ou seja pela internet. E da noite para o dia surgiu a necessidade de criar um canal de comunicação virtual com esse publico. A funerária na internet que até então era vista com olhos indesejados, passou a ser a menina dos olhos de muitos. E para destacar se nesse mercado um simples site por si só não bastava, era necessário o uso de ferramentas apropriadas para que isso funcionasse de verdade. Veja exemplos (clique aqui)

    Fonte: Serasa

    Loading

    Clique e para ler tudo

    efunerario

    E-commerce Funerário: sua funerária agora pode vender pela internet

    Publicação

    no

    Voce sabia que Sua funerária pode vender produtos e serviços pela internet?

    É momento de abrir mais um novo canal de vendas. Site é uma coisa loja pronta para venda é outra. Atualmente o que mais tem é loja virtual vendendo, serviço ou produto e sua funeraria vais ficar de fora?

    Aplique o marketing digital no seu negócio, os resultados podem ser surpreendentes. Você duvida? Com esse meio que temos em mãos, fica mais fácil alcançar mais pessoas e resolver os problemas que elas muitas vezes mal sabem que possuem. Por isso, o marketing é essencial, já que estuda justamente o hábito desses clientes, suas dores, como resolver e como falar a língua deles.

    Agora, pensando no ramo funerário, o campo é imenso! Seu e-commerce pode vender além de planos funerários, acessórios e dar diversas opções, até de personalização para que o seu cliente se sinta especial e satisfeito. Que tal conferir alguns itens que podem ser vendidos pela sua funerária pela internet? Confira:

    1- Jazigos

    Pode ser para usar imediatamente por conta de alguma situação inesperada, ou para planejar e a pessoa comprar pensando no futuro. Vale deixar no seu e-commerce todas as opções de valores, e formas de pagamento bem claras para que seja fácil navegar pela sua loja e o visitante se sentir atraído pelo seu produto. Isso te trás uma reputação muito boa e ele(a) pode recomendar seu e-commerce justamente pela facilidade de encontrar o que precisa de maneira simples e rápida.

    CLIQUE NA IMAGEM PARA MAIS INFORMAÇÕES

    2- Coroa de flores

    Já pensou em dar ideias de arranjos possíveis para seu consumidor? Com a rapidez tecnológica, o cliente pode ter acesso há possíveis cores de flores, maneiras de combinações, e se sentir atraído a comprar. É uma maneira de trazer suporte para quem mora longe, e perdeu algum ente próximo, além de possuir um atendimento mais rápido, já que com o celular a pessoa tem a possibilidade de acessar tudo e escolher o que achar melhor!

    3- Serviços funerários

    É uma oportunidade imensa para você expandir todos os detalhes e vantagens de se obter um plano funerário e se destacar dos seus concorrentes trazendo tudo de forma acessível e eficaz. Que tal colocar os serviços com diversas opções de pagamentos, descontos especiais e até incentivos para que os clientes indiquem sua empresa funerária para outros amigos? Ao chegar a mais pessoas, o seu campo de vendas aumenta. Se antes você enxergava a chance de vender X plano para uma pessoa da sua cidade, que tal ver além e vender esse mesmo plano para 10 pessoas da região? O e-commerce engloba essa amplitude.

    4- Cremação

    Esse item é mais uma alternativa que pode trazer bastante lucro para sua funerária. É bom colocar informações a respeito desse procedimento, dando ênfase que existem custos adicionais. Cada detalhe é importante para seu cliente possuir uma relação com sua empresa de confiança. Não esqueça de mencionar no e-commerce que há o velório, caixão, urna cinerária, o próprio serviço de cremação em si, flores, preparação do corpo, ornamentação, café, cortejo… tudo que sua funerária fornecer.

    5- Transmissões ao vivo

    Essas transmissões são o que trarão um ponto diferente na sua funerária. As pessoas que moram muito distantes e estão neste momento doloroso, possuem a chance de estarem presentes mesmo dentro de suas casas em outras cidades, estados ou até países. Já pensou que essa pode ser uma maneira de ajudá-las a estar presente nas cerimônias?

    6- Velas virtuais

    Sim! As velas virtuais existem e acredite ou não, funcionam muito bem quando o assunto é distância. Sua funerária pode adotar isso e acrescentar no e-commerce, viu?

    7- Conforto

    Apesar destes itens citados acima, em uma situação de perda, as pessoas estão muito abaladas e ter a opção de comprar serviços funerários pela internet pode ajudá-la a passar por essa situação com muito mais calma. As emoções estão a mil, os familiares sensíveis, e sua empresa funerária pode auxiliar dando essa oportunidade de e-commerce.

    8- Preços

    O cliente pode ter uma ideia de quanto vai ficar os serviços que escolheu e comparar, com calma. Ao personalizar tudo que seria interessante para ele naquele momento, o e-commerce entrega o valor que seria cobrado, e assim ele pode pensar e tomar sua decisão de forma consciente.

    9- Agilidade

    Lidar com burocracia em um momento de luto não é o ideal. E sua funerária consegue deixar o cliente mais tranquilo ao dar a opção de e-commerce para que ele não precise estar envolto com esse problemas burocráticos justamente demorados.

    10- Métricas

    Ao possuir um e-commerce da sua funerária, há uma vantagem muito importante: entender mais a pessoa que está visitando sua loja e, consequentemente, compreender quem já consome seus serviços. Neste item cai a questão do marketing digital, para que você compreenda o que seus clientes gostam, o que eles não acessam, e itens que gostariam de comprar mas não realizam o pedido, e até horários que entram na loja. Tudo pode ser medido e analisado. E isso é muito poderoso para que se monte uma estratégia de vendas! Há possibilidade de você falar com muito mais pessoas propensas a gostar do seu serviço e comprar com a sua funerária.

    11- Valorização do seu negócio

    Além de possuir todas as vantagens citadas acima, sua empresa pode ter um crescimento e reconhecimento maior de marca. Trazer coisas novas, opções, flexibilidade, torna a sua funerária um negócio em destaque já que a maioria apresenta os mesmos serviços, da mesma maneira, e isso faz com que não venha tantas pessoas comprar de você. Ao criar algo novo, sai do padrão e há grandes chances de ter um reconhecimento maior. E na internet há uma visibilidade incomum que irá agregar valor demais à funerária.

    O leque se abre em meio ao e-commerce, e em pleno 2020, onde as coisas estão cada vez mais ligadas a tecnologia, por que não entrar nesse meio e vender mais, ajudar mais pessoas e ser diferente nesse mercado funerário? Se você tiver interesse em montar uma loja virtual, confira o E-commerce Funerário e entre em contato, tire suas dúvidas, e inove, porque você pode se destacar e crescer ainda mais nesse mercado.

    mazinha

    Gostou da matéria?

    Receba outras no seu Email e WhatsApp

      Seu nome (obrigatório)

      Seu e-mail (obrigatório)

      Número WhatsApp com DDD

      Autorizo o Portal Todas Funerárias a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários (Pare receber salve o nosso número WhatsApp em sua agenda 11 99567 7070)

      Loading

      Clique e para ler tudo

      efunerario

      Loja virtual para você vender Coroa de Flores

      Publicação

      no

      Agora ficou fácil. Loja virtual para você vender Coroa de Flores

      Você já imaginou a possibilidade de ter em mãos uma loja virtual para realizar as vendas de coroa de flores? Imagina o diferencial que isso traria para sua funerária! O E-commerce Funerário trouxe esta novidade para você que quer inovar no seu negócio e estava sem saber ao certo por onde começar. Atualmente, não basta apenas realizar os serviços básicos funerários. Com a grande concorrência, vale pensar em maneiras de se destacar e trazer mais conforto para as famílias que recorrem a sua funerária em momentos tão dolorosos.

      Sendo assim, o e-commerce de coroa de flores se torna uma boa alternativa para você crescer e trazer mais comodidade para os seus clientes. E quais seriam os pontos positivos desse tipo de e-commerce?
      Separamos os benefícios dessa categoria de loja virtual:

      Vender mais produtos voltados para homenagem pós-velório;
      Sua funerária pode aumentar as vendas de coroas de flores (já que há a possibilidade de algum parente que mora longe decidir enviar as flores como uma lembrança apesar de não estar presente no momento. Então, o alcance de pessoas é muito grande!);
      Ganhar diferencial diante as outras funerárias da sua região;
      Aumentar a lista de contatos para vender mais planos funerários.

      Ok. Provavelmente você deve estar se questionando se existiria público para isso, afinal, é algo atípico, certo? De acordo com a Exame, um empresário conseguiu faturar em 2011 aproximadamente 1,5 milhão de reais com este setor de e-commerce voltado para coroa de flores: “Seus principais clientes são grandes empresas, que muitas vezes têm dificuldades para encontrar fornecedores de arranjos florais quando é preciso prestar uma última homenagem a um cliente, funcionário ou fornecedor. A ideia para criar a empresa surgiu há dois anos, quando Gouveia precisou comprar uma coroa de flores para o velório do avô. “Tive dificuldade para encontrar uma floricultura que vendesse esse tipo de produto pela internet”, afirma ele. “ Na época, eu era funcionário da Ambev e lembrei de ter visto muitas vezes as secretárias telefonando para floriculturas em busca de coroas.” Gouveia viu na ausência de bons fornecedores uma oportunidade de negócios.”

      CLIQUE NA IMAGEM PARA MAIS INFORMAÇÕES

      O e-commerce de coroa de flores causa muito impacto positivo diante os familiares em um momento de perda, justamente por:

      Trazer comodidade para o momento da compra;
      Oportunidade de comprar a distância e homenagear o falecido da mesma forma;
      Comunicação com os amigos do falecido de maneira mais simples;
      Mais comodidade para realizar a compra de lembrança pós-velório.

      São pequenos detalhes que fazem diferença no seu negócio funerário, porque no momento de se despedir de um ente querido, os amigos e familiares próximos estão se sentindo muito sensíveis, e se você puder trazer mais calma e conforto, mais chances de conquistar clientes e crescer na sua região sua empresa terá. O cuidado e empatia com o próximo, aproximam potenciais consumidores dos seus serviços. Essa humanização e facilidade de acesso aos seus produtos funerários vão levar sua funerária longe!

      Mas e quanto a parte da programação? Você não sabe fazer sites, muito menos lojas virtuais e deve estar pensando uma série de coisas neste momento. Respira, há quem possa te ajudar nesse processo e trazer tudo que você precisa de maneira rápida, eficaz e com suporte presente para te atender: O E-commerce Funerário possui toda estrutura para te auxiliar neste processo de criação da loja virtual.

      Além de possuir uma equipe preparada para te dar o devido suporte, você pode contar com:

      Uma loja personalizada do jeito que você quiser;
      Hospedagem do seu site (isso ajuda para que o conteúdo que for colocado no seu site carregue muito mais rápido);
      Opção de pagamento online;
      Serviço automatizado (quando uma pessoa realiza a compra, você recebe uma mensagem no celular ou e-mail notificando a ação do cliente).

      Se torna muito simples colocar sua loja virtual de coroa de flores na internet.
      Maurício Salvador, da GS Ecommerce (consultoria voltada para comércio eletrônico) disse para a Exame: “Os números mostram que há cada vez mais consumidores de menor poder aquisitivo comprando pela internet no Brasil. No ano passado, mais de 40% das pessoas que fizeram compras online tinham renda familiar mensal de até 3.000 reais. Esses indicadores mostram boas perspectivas para pequenas e médias empresas capazes de explorar nichos deixados de lado pelos grandes concorrentes, como está fazendo a Coroas para Velório.”

      Portanto, não se prenda por medo. O impacto que a loja virtual pode causar no seu negócio funerário e nos seus clientes, é muito grande! Um investimento que traz retorno se for feito da maneira correta, com segurança e usando plataformas seguras. O E-Commerce Funerário possui todos esses requisitos e muito profissionalismo, trazendo mais sucesso para sua funerária. O futuro é digital, e você não vai querer ficar de fora não é?

       

      Atualmente, com a pandemia, o cenário econômico acaba adentrando em muitas transformações. E quem pode aderir o meio digital, ganha muitas vantagens. De acordo com a colunista Rachel Jordan, da Revista Claudia: “No que se refere ao mercado de trabalho, o vírus causou uma profunda transformação e acelerou um processo que vislumbramos como um futuro ainda distante. A tecnologia ganhou status de protagonista nesse novo cenário e reconfigurou o mercado de maneira definitiva”. Dessa maneira, criar uma loja virtual pode ser o primeiro passo dentre muitos que deverão ser tomados neste momento de modificações no ambiente de trabalho.

      Portanto, não se contente com o que sua funerária realiza, ou entrega. Busque se adaptar, renovar, trazer novidades e conquistar cada vez mais seus clientes. Se ainda tiver dúvidas, receios quanto a criação de uma loja na internet, fale com o time do E-commerce Funerário. Faça contas, analise o que seria viável neste momento, mas se possível, tire os planos do papel e faça sua funerária expandir e alcançar cada vez mais pessoas. Usando a internet ao seu favor, seu negócio funerário vai evoluir de maneira extraordinária. Lembre-se de ver além, focar no futuro. O que o seu cliente gostaria que fosse feito? Se coloque no lugar da pessoa que contratou seus serviços, sua funerária, e invista em meios que facilite o seu trabalho e a compra de quem confia em seu negócio.

      Veja Também

      E-commerce Funerário: sua funerária agora pode vender pela internet

       

      Loading

      Clique e para ler tudo

      GOSTA DAS NOTICIAS?

      Anuncie Aqui !!!

      Nossa Loja

      Ataude Artigos Funerários

      Entre em nosso grupo

      Recomendados

      Anuncie Aqui !!!

      newsletter whatsapp

      + Mais lidas