Home / Recomendadas / Japoneses usam cemiterios com túmulos de alta tecnologia

Japoneses usam cemiterios com túmulos de alta tecnologia

A falta de espaço obrigou os japoneses a usarem de tecnologias com os mortos. 

acesso-magnético

Japoneses usam cemitérios com túmulos de alta tecnologia.

Já era de se esperar que a tecnologia chegasse a até os que morrem no País mais  Hi-Tec do Mundo.

O japoneses estão usando túmulos de alta tecnologia para se virar com a falta de espaço para novos cemitérios, na capital do Japão.

Com uma predominância do Budismo no Japão. O templo budista Kouanju de quatro andares no centro de Tóquio tem capacidade abrigar até 7000 falecidos cremados, com é o costume dos japoneses. Todo o cemitério tem como ferramenta “a tecnologia” para facilitar a “vida” dos familiares que precisam dar um destino aos seus mortos.

Na hora que os parentes querem homenagear os mortos, basta usar um cartão e digitar uma senha. Um braço mecânico traz as urnas até eles. Leva aproximadamente um minuto para a urna o ir parar em frente a uma pequena fonte, um local privado e apropriado para as orações dos parentes e amigos.

momento-das-oraçõesNão é possível andar pelo cemitério para achar seu túmulo. Usando um cartão, o seu túmulo vem até a você. “É especialmente conveniente para quem vem pela primeira vez e para amigos.”

A ideia deu tão certo que o templo está construindo outro cemitério semelhante do lado.

Um serviço destes com urna de mármore no Koaunju sai por US$ 8.635 (R$ 15 mil). A manutenção custa US$ 170 (quase R$ 300) anuais. É mais ou menos um quinto do preço de um tumulo cemitério convencional (como os temos no Brasil) na região que custa em torno de R$400.000 mais as despesas com manutenção..

Veja Também

Marido e mulher morrem abraçados em hospital

Marido e mulher morrem abraçados em hospital

Uma história de amor verdadeira, difíceis de se encontrar. Alexander e Jeannette Toczkos se conheceram ...